top of page

Ácido fólico: importância para nosso organismo

Atualizado: 11 de mai. de 2023

Ácido fólico é como conhecemos popularmente a vitamina B9, uma das várias vitaminas que compõe o complexo B. Sua forma ativa é chamada de folato e é uma vitamina muito conhecida pelas gestantes, que fazem a suplementação obrigatória durante os primeiros meses de gestação.


O ácido fólico, dessa forma como o chamamos, não é encontrado na natureza, mas somente em suplementos, e precisa ser convertido à forma que conseguimos absorver, que é a mesma encontrada nos alimentos-fonte: a L-5- metiltetrahidrofolato - melhor a gente chamar apenas de folato, certo?


O folato tem uma função mega importante na expressão dos nossos genes, pois ele doa partes da sua estrutura para a formação do DNA. Bem conhecida é a sua atuação na formação do tubo neural do bebê – daí a necessidade de fazer a suplementação nas gestantes. O folato também tem papel importantíssimo na formação das células vermelhas do sangue, de forma que, em um estado grave de carência, aparece um tipo de anemia.


A falta de folato no organismo é dificil de acontecer se há uma alimentação equilibrada e variada. As fontes alimentares de folato no reino vegetal incluem cereais integrais, leguminosas, frutas e verduras e é bom que uma boa parte seja consumida crua, pois ele é instável ao calor/cozimento.


Os suplementos são indicados quando há uma deficiência detectada por meio de exames laboratoriais e devem ser prescritos por um nutricionista ou médico. Como mencionado acima, a suplementação em gestantes é indiscutível principalmente no início da gestação. Algumas pessoas podem ter alteração na enzima mais importante que regula o metabolismo do folato e nesse caso, a suplementação deve ser feita não com o ácido fólico, mas com o folato já na forma ativa. A maioria dos suplementos é de ácido fólico porque ele tem uma estabilidade maior para ficar na forma de um comprimido ou cápsula.

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

コメント


bottom of page